3 de abr de 2011

53º dia - 02/04/2011

Dia de comilança e sem efeitos colaterais conhecidos, o que não significa que foi tudo mil maravilhas.
Tomei Ades de maçã de café, almocei arroz com feijão branco e linguiça, tomei iogurte desnatado de morango à tarde e jantei no restaurante chinês. Pedimos um yakisoba que daria para umas cinco pessoas, mas como eramos só eu e a Joyce, comi menos de meio prato e a joyce um prato. Sobrou um mnte, claro e embrulhamos. Engraçado que quantitativamente eu comi muito. Até estranhei. Engraçado que estávamos no restaurante e tinha um gordão tirando fotos com um amigo comemorando que vai operar daqui a cinco dias. Tava fazendo o que lá? Despedida? E o regime antes da operação? Pelo visto esse vai ser mais um que terá problemas parase acostumar depois de opeado. Não é praga. é constatação.
Eu por exemplo. Comi muito no retaurante, mas umas duas horas depois fui prepararum açai pra Joyce. Podia ficae quieto, mas comi umas 5 colheres. Adoçou bem, acho que até demais. Cmecei a ficar meio desconfortável, mas não sei até agora se por causa do açucar do açai ou dos gases que não aem de mim.
Pior, quando deu umas quatro horas apósa janta, deu fome de novo, só que algo salgado e comi umas 6 cream crackers com café. Agora estou super cheio e nada dos gases saírem.
Pelo visto a noite vai ser longa.
Fico pensando se esse impulso todo foi por causa das duas idas para SP hoje, uma de manhã e outra à tarde. Odeio trânsito e acho que isso me irritou demais da conta hoje. Definitivamente preciso trabalhar esse impulso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário