20 de jul de 2011

162º dia - 20/07/2011

De novo comecei a arrumar desculpas para não ir à academia. Essa semana é a canseira. Parece que está acumulada, ou da mesma forma de quando tinha Apnéia do sono....medooooo!
Isso foi mais ontem. Hoje eu até iria, mas como ficamos de ir a uma reunião com amigos para comemorar o dia dos amigos (Parabéns a todos!), eu hoje vou afogr o estress do dia de trabalho em pizza. Vou comer muito...Acho que uma fatia de meia...kkkk
Nem posso abusar muito hoje, porque no almoço já encarei uma feijoada no Restaurante por quilo e comi no todo, com a salada, uns 270g de comida. É comida demais e fiquei meio empanturrado. Só não ficou pior porque tinha ido ao banheiro de manhã e saiu muita, mas muita coisa mesmo. E o cheiro? Parece que piorou muito depois da operação, sei lá...será que isso é normal?


Papo estranho, né?
Bom, fora isso eu não fiz nada além de trabalhar, o que tem me deixado meio ansioso e estressado, já que cada dia aparece um problema novo e a satisfação de resolvê-los não tem mais me dado tanta alegria quanto antes, já que novos problemas estão aparecendo mais rápido do que eu resolvo os antigos e alguns estão ficando para trás por falta de tempo. O dia tem sido curto demais e eu estou ficando cansado mais rápido para resolvê-los. Nem tenho mais paciência de fazer as coias à noite em casa, só quero descansar ou descontrair vendo filmes, conversando com minha esposa ou navegando na net.
No fim do dia, fomos a um encontro dos amigos advogados da semana, em uma pizzaria na Vila Mariana que nunca tinha ido antes, "Zio Vito", mas foi bem legal. Música ao vivo, tipo Noel Rosa e Tom Jobim, com rodízio de pizza e pratos italianos, com antepastos e tal.

Cardápio do dia:
10h: sucrilhos com leite
13h: feijoada com arroz e salada
15h: chocolate e café
17h: fatia de bolo de pacote e café
19h30: fatia de torta de ontem gelada
21h: 1/4 de fatia de pizza, pão de alho com beringela, 3 pedaços de frango à passarinho e uma fatia de bolo.

161º dia - 19/07/2011

Quando agente dorme às 4h para acordar às 9h do mesmo dia, não pode ser um dia bom.


Pior quando acorda para ir na dentista e ela fica furando a boca da gente com aquela maquininha irritante.
Resolvido a obrigação, vamos ao que interessa: a comida!
Ahhh, que pena que não dava nem pra comer direito, já que a massa que ela colocou no dente fica me icomodando demais por causa da diferença de altura, mesmo tirando bastante com a maledeta maquininha.
Fiz uma torta de carne, bem pequena, mas ficou gostosa, com o recheio molhadinho e a massa bem leve. Um perigo. Dá vontade de comer demais. Mas me controlei. Seráááá??? kkkkkk Comi um pouco mais do que devia. Mas não passei mal pelo menos.
Aos afazeres do dia e terminando em um evento que teria coquetel (comidinhas), mas era tudo muito feio e nem comi nada. Vim pra casa e a Joyce esquentou arroz, feijão e a torta do almoço. Delícia.
Fui dormir porque estava com muito sono, mas mesmo assim dormi mesmo eram 1h30.

Cardápio do dia:
12h: café com 1 mini pão-de-queijo
13h: Torta de carne moída
17h: café com barrinha de cereais
18h: pedaço de torta
19h: pedaço de bolo de fubá
22h: arroz, feijão e torta
0h: mexirica